DYI – Carne Seca

Uns dias atrás resolvi fazer aqui em Glasgow uma feijoada e o grande desafio dessa empreitada foi achar os ingredientes.

Feijão preto é relativamente fácil e o arroz é o Basmati, e não existe couve manteiga por aqui, então eu uso a crespa.

Bisteca é fácil, lombo é fácil, bacon é fácil, torresmo é fácil, costelinha de porco é fácil.

Linguiça é mais problemático já que a “sausage” aqui é horrível (Sério… Não entendo como eles comem isso), mas é possível comprar linguiça (?) defumada, então dá pra enganar.

Outras partes do porco como pé, orelha, rabo, esquece. É impossível, não existe. Como não sou grande fã disso, eu passo.

Já a carne seca….. Não consegui achar de jeito nenhum. Fiz a feijoada sem carne seca mesmo.

A Falta de criatividade culinária deles no uso dos ingredientes, na montagem dos pratos, no tempero é algo que me incomoda muito, mas isso é assunto para outra hora.

Fiquei com assunto na cabeça e topei com um post de alguém falando sobre o assunto e falando com minha esposa ela lembrou que a mãe dela tinha falado como fazer.

Pois bem, vamos a luta pois se não tem pronto vamos fazer.

O que é necessário para fazer a carne seca? Os ingredientes são simples e básicos.

Uma forma, carne e sal. Pode ser sal grosso ou fino. Eu usei o sal fino.

Compramos um pedaço de brisket e ai começa toda a diversão.

Corte a carne em pedaços mais ou menos do tamanho de um sabonete. Retire o máximo possível de eventuais pedaços de gordura porque ao secar, a gordura pode ficar meio rançosa e deixar um cheiro ruim.

Envolva a carne com sal de forma que ela fique branquinha, coberta de sal. O Sal irá ficar úmido mas não tem problema.

30145937654_a2d1265537_o

Coloque os pedaços em uma bandeja um ao lado do outro. Cuidado que a bandeja deve ter pelo menos 2 ou 3 dedos de profundidade. Você vai descobrir o motivo no dia seguinte. 🙂

30177704233_d05cf414db_o

Ponha a bandeja na geladeira, descoberta (Isso é importante. O Ambiente da geladeira resseca) e vá brincar de outra coisa por umas 12 horas.

Passadas as 12 horas, você vai escorrer todo o sangue que foi “sugado” da carne e trocar o sal.

NÃO lave a carne, apenas raspe o sal com a mão mesmo e limpe a bandeja, repita o processo de salgar.

Antes de salgar, talvez seja importante cortar novamente a carne no sentido longitudinal (de comprido) para deixar a carne mais seca, em especial os pedaços mais altos.

30476830680_8bcb3ddd8f_o

Deixe por mais 12 horas na geladeira e ao retirar a carne já estará pronta. Veja se está como você gosta. Se quiser pode deixar mais tempo na geladeira.

Eu prefiro deixar mais 24 horas na geladeira, repetindo o processo de salgar a cada 12 horas, ou seja, ao todo a carne fica 2 dias na geladeira. Ela fica assim:

30812717475_489b07d243_o

Quanto mais tempo, mais seca, mais salgada, mais escura e mais dura fica a carne.

Como eu gosto de cozinhar, de preparar as coisas, eu acabo me divertindo e realmente é fácil e não dá muito trabalho. Se você gosta de carne seca e não sabe onde comprar aqui em Glasgow, então esse é o jeito de fazer. Funciona.

Acabei não fazendo a feijoada com a carne seca, fiz paçoca de carne. A receita da paçoca fica para depois.

Espero que tenham gostado 🙂

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s